166 Títulos de Nossa Senhora

NOSSA SENHORA DA REVELAÇÃO

Roma

No dia 12 de Abril de 1947, um sábado depois da Páscoa, o condutor de bonde Bruno Cornacchiola, de 34 anos, protestante, sentado tranqüilamente à sombra de um eucalipto toma notas para uma conferência que fará no dia seguinte contra Nossa Senhora.

Bruno nasceu em um dos bairros mais pobres e de pior fama da capital da Itália. Durante sua permanência na Espanha onde estivera como voluntário para lutar na Guerra civil (1936-1939), convencido pela propaganda de um militar alemão protestante, ingressa na igreja adventista e se converte em inimigo feroz da Igreja Católica, da Virgem e do Papa.


Nossa Senhora da Revelação

Seus três filhos Gianfranco, Carlo e Isola, brincam no bosque enquanto ele busca na Bíblia protestante provas que confirmem a parte de sua palestra onde pensa rebater os dogmas marianos. As crianças perdem a bola e não conseguem encontrá-la. Pedem ajuda ao pai. Bruno interrompe suas anotações e vai ajudar os filhos. O caderno de anotações fica no chão. Já não precisará dele, posto que não fará a conferência.

São 15,30 h. A bola tinha ido parar dentro de uma gruta e os meninos ali se adentram. Nossa Senhora aparece às três crianças e depois, precedida de um intenso perfume de flores, aparece ao homem que até aquele momento havia atacado a devoção à Mãe do Redentor.

A Virgem, com um longo e belo vestido branco, trazia uma faixa cor-de-rosa na cintura. Sobre os cabelos negros havia um manto verde que lhe caia aos pés descalços.

A Santa Mãe de Deus dirige a seu perseguidor estas palavras: "Sou aquela que está na Trindade Divina. Sou a Virgem da Revelação. Tu me persegues. Mas agora, basta! Entra para o santo redil, a corte celeste na terra. Obedece à autoridade do Papa".

A Virgem, cujas mãos seguram ao peito um livro encapado de cor cinza (a Bíblia). Entre outras coisas, fala-lhe sobre sua Assunção. Indica ao vidente como poderá reconhecer dois sacerdotes que o ajudarão a reconciliar-se com Deus e com o Papa, a quem tinha intenções de assassinar com um punhal.

A Virgem toca o coração de Bruno e este se converte, transformando-se em seu fiel servidor, em valioso instrumentos de evangelização.

A Virgem também prometeu: "Nesta terra de pecado realizarei grandes milagres para a conversão dos incrédulos".

Como a água da piscina de Lourdes, a terra da Gruta de "Tre Fontane", santificada pela presença de Maria, realizará prodígios.

Santuário da Virgem da Revelação
Ordem dos Frades Menores Conventuais
Via Laurentina, 450 - 00142 Roma - c.c.p. 59797001

Nossa Senhora da Revelação,
Rogai por nós que recorremos a Vós!